Bahamas: An Evening in Guanima

Resenha nº 25: An Evening in Guanima – Patricia Glinton-Meicholas

A resenha de hoje é sobre o livro An Evening in Guanima: a treasury of folktales from the Bahamas, escrito por Patricia Glinton-Meicholas, escritora nativa da Cat Island, chamada de Guanima pelos primeiros bahamianos. Eu comprei o livro na PlayStore e li pelo celular mesmo, a obra é um compilado de histórias folclóricas da ilha, o registro escrito da tradição falada.

O livro reúne cerca de 10 fábulas inspiradas nas histórias ouvidas pela autora em sua infância. Cada história possui uma estrutura simples e procura passar um ensinamento, na qual geralmente há uma justiça poética e os personagens com bom comportamento são premiados por sua integridade e bondade.

Nessas histórias, é comum a existência de magia, com tambores mágicos, fantasmas e animais que assumem a forma humana. Os personagens principais costumam ser crianças obedientes e desobedientes, heróis e trapaceiros.

Além desses elementos, outros aspectos sociais são percebidos, como a migração forçada de africanos (a autora estima que 85% da população das Bahamas descenda deles) e a presença dos colonizadores brancos. A cultura do território tem muitas similaridades com a cultura da região do Senegal e Gâmbia, inclusive as histórias apresentadas no livro têm versões similares nesses países.

Outro ponto marcante nas histórias é a presença de versos cantados e rimas, aumentando a sua dramaticidade. Eu li a história em inglês, percebi também que a linguagem oral foi transcrita nas falas, como por exemplo: “‘Who dat out dere,’ called Annie’s new husband.” Imagino que o correto seria: “Who’s that out there?” (Em tradução livre: “Quem está aí?”).

Outro exemplo: “Wha’ kinda business dis is?” he asked suspiciously. “Who you gat comin’ to dis place? I’ll tell yuh one t’ing, if I ketch dat son of a sea cat, I’ll pop ‘e guts an’ use ‘em for garter!” he boasted.

Contudo, a própria autora lamenta que a narração dessas histórias em grupos é uma tradição que está sendo substituída pelos novos entretenimentos eletrônicos. Esse livro é um tributo às raízes de sua ilha, para que as histórias não se percam. Espero que tenham gostado dessa resenha e se interessem por essa cultura!


Ficha Técnica:

Autor: Patricia Glinton-Meicholas

Editora: Guanima Press Ltd

Edição: 2

Ano: 1994

Encontre o livro na PlayStore!



Categorias:Contos, Etapa, Livro completo, Metas, Países, Resenha, Sem categoria

Tags:, , , , , ,

1 resposta

Trackbacks

  1. Desafio: etapa 2 – Desafio Livros pelo Mundo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: