América Central

Panamá: Lagarto Rey

Este é um livro de lembranças de um compositor bêbado e promíscuo, lembra um pouco Bukowski pela narrativa crua e erótica. Leia mais no link!

Santa Lúcia: Omeros

Omeros é a obra mais famosa do ganhador do Nobel de literatura de 1992, o santa-lucense Derek Walcott. Este livro, publicado originalmente em inglês, contém um longo poema inspirado na tragédia grega da Ilíada, mas que discorre sobre a realidade dos caribenhos de Santa Lúcia e as cicatrizes deixadas pelo colonialismo, refletindo sobre a identidade de seu povo. Leia mais sobre a obra no link!

Honduras: Prisión Verde

Prisión Verde é um grito de indignação contras as condições precárias de trabalho nos bananais explorados pelas companhias estrangeiras em Honduras. Ramón Amaya Amador descreve sua experiência trabalhando em uma fazenda e é perseguido por suas revelações e tentativa de sublevar os trabalhadores. Conheça mais sobre esta obra de importante peso social no link!

Costa Rica: El Moto

El Moto é uma obra pioneira, considerada a primeira novela da Costa Rica. Com um enredo simples, o livro mostra o cotidiano da vida no campo de modo realista. Quer saber mais? Acesse o link e descubra!

Nicarágua: O País das Mulheres

Um grupo de amigas decide mudar o seu país e se unem para tomar a frente do governo. Aproveitando as oportunidades entregues pelo destino e apostando na originalidade, o PEE (Partido da Esquerda Erótica) consegue ser eleito e propõem um governo totalmente novo. As políticas implantadas são feministas, mas fogem um pouco do convencional, já que em vez de lutar contra os esteriótipos atribuídos às mulheres, as mulheres são incentivadas a abraçar essas características e retirar o estigma negativo relacionado a elas. Este é um livro polêmico e muito interessante, que fala mais sobre perseguir um sonho do que sobre a política propriamente dita. Vale a pena conferir a resenha no link!