Contos

Nova Zelândia: Os Melhores Contos de Katherine Mansfield

Eu não sou grande fã de contos, mas esse foi um dos melhores livros que li em 2019. O livro apresenta 10 contos de Katherine Mansfield, autora com talento singular para explorar as nuances psicológicas dos personagens. Clique no link e confira a resenha!

Bartleby, o escriturário

Essa não é uma história de grandes acontecimentos, por vezes, a história assume um tom cômico. Em outras, faz uma análise profunda da personalidade de cada personagem. Em outras ainda, mostra como nos deixamos influenciar pela opinião de nossos pares. Entretanto, Bartleby é uma figura enigmática, calada e que se torna completamente apática no decorrer do livro. Conheça mais sobre a história no link!

A festa de Babette

A resenha é sobre A Festa de Babette, um conto da escritora dinamarquesa Karen Blixen. No conto, ambientado na Noruega, Blixen narra a vida de duas irmãs solteiras, Martine e Philippa, que mantêm um estilo de vida singelo, religioso e dedicado totalmente à caridade. A rotina era calma e simples, até o dia em que uma mulher francesa esbaforida chega à sua porta com uma carta na mão pedindo refúgio. Clique no link para ver a resenha completa!

Bahamas: An Evening in Guanima

An Evening in Guanima: a treasury of folktales from the Bahamas, escrito por Patricia Glinton-Meicholas, reúne cerca de 10 fábulas inspiradas nas histórias ouvidas pela autora em sua infância. Esse livro é um tributo às raízes de sua ilha, para que as histórias não se percam. Espero que tenham gostado dessa resenha e se interessem por essa cultura!

Argentina: Bestiário

Bestiário é uma coletânea de 8 contos que consagrou Julio Cortázar no gênero. O escritor argentino criou histórias curtas permeadas de mistérios e elementos fantásticos, nos quais a conclusão fica em aberto. Quer conhecer mais sobre esta obra intrigante? Continue lendo a resenha nesse link!